Tá complicado...

Tá Complicado


Gente, que momento é esse em que estamos vivendo?
A coisa está tão feia nesse país que está até dando medo de pensar no que o futuro nos reserva, o que tecnicamente podemos classificar como uma ironia, porque não sei ao certo se temos algum futuro, não do jeito que as coisas estão.
Pensando nisso comecei imaginar possíveis soluções caso as coisas piorem, porque ao contrário do que o Tiririca disse, sim, pode ficar pior do que está, até porque, já ficou bem pior do que estava quando ele nos iludiu com essa frase.
Talvez se em 1988 o macaco Tião tivesse sido eleito prefeito do Rio de Janeiro, e continuasse sua ascensão política, nosso amado e sofrido país estivesse melhor, porque essa votação de protesto que elegeu o Deputado Francisco Everaldo Oliveira Silva, melhor que aquela não foi.
O mais engraçado de toda essa situação é ouvir as diversas reclamações dos angustiados eleitores brasileiros. Um dia desses ouvi uma senhora dizer que a Dilma deveria voltar e segurar a bronca até o Lula se eleger em 2018. Eu adoraria ver ambos segurando a bronca atrás das grades. Apesar que só quem se daria mal seria aquele com um dedo a menos, porque aqui a justiça é branda, e com certeza iriam para prisão domiciliar, mas não rolaria com o ex presidente, devido o fato de ele não saber de nada e nada ser dele, sem casa, teria que ficar na cadeia mesmo.
Mas a melhor solução seria fazer um muro em volta de Brasília, encher de polícia lá dentro e transformar aquilo num presídio exclusivo para políticos, difícil seria estarem todos lá dentro na hora de fechar.
Outra coisa que seria difícil seria tentar conter as rebeliões, porque aquela galera de Brasília adora um quebra-pau, inclusive, acho engraçado quando chamam manifestantes na Capital Federal de vândalos e arruaceiros, enquanto​ lá dentro a galera de gravata estava querendo se matar.
Então sim, devido isso e outro montante de coisas que estão acontecendo, e outras que com quase certeza irão acontecer, tenho mesmo pensado em possíveis saídas futuras.
Uma delas seria uma invasão alienígena. Uma inteligência superior seria bem vinda agora, mas corremos o risco de eles olharem isso aqui e desistirem devido a quantidade de trabalho que terão pra dar um jeito em tamanho estrago. Mas a verdade é que a maior prova da existência de vida inteligente em outros planetas, é o fato de se manterem afastados daqui
Outra boa saída seria fugir daqui, ir pra fora do país, mas essa hipótese é mais complicada, por causa do custo e devido o fato de que acho que não seríamos bem recebidos fora daqui, porque se fosse em outro país que isso estivesse acontecendo, eu generalizaria, tipo, pensaria que o problema está no ar do Brasil, e que todos são iguais, tipo uma doença. Sério, acho que os estrangeiros devem olhar para todos nós com receios. Apesar que as coisas não andam muito bem fora daqui, é só parar para pensar nas manchetes dos últimos meses, catástrofes naturais espalhadas pelo mundo, atentados, um louco doido por guerra lá no Oriente. Cada lugar tem seus problemas, pra que levar os nossos pra piorar?
Também poderíamos contar com uma mãozinha divina, um dilúvio, talvez um meteoro, mas acho que Deus olhou aqui pra baixo e achou um desperdício gastar munição, até porquê, o risco de o problema se resolver sozinho é grande, a gente está se destruindo, eles lá fazendo uma infinidade de merdas, e nós aqui, votando errado e alimentando a diarréia do país.
Dói lembrar que no começo dos anos 2000 éramos o país da moda, possível nova potência, um país emergente rumo ao sucesso global, e hoje não passamos de exemplo do que os outros países não devem fazer.
Agora o povo está aprendendo outra lição, não votar no candidato sem antes checar seu possível sucessor.
Perdi a conta de quantas vezes senti vontade de dar um tapa em pessoas que disseram que não votaram no Temer, mas sim na Dilma, mas me segurei, preferi acreditar que era piada de cada um, ao invés de uma explícita demonstração de estupidez.
E a solução?
Sinceramente não ouvi nenhuma sequer imaginável, muito menos plausível.
Tem a solução mais drástica, estou pensando em colocar uma tanguinha e ir pra Amazônia me isolar, porque aparentemente o problema aqui começou quando tomaram esse país dos índios. Mas e o desmatamento?
Dias atrás fui convidado a ir na escola da minha filha (assim como os outros pais), pra me apresentar para seus coleguinhas, falar um pouco sobre mim, e a minha vontade foi de dizer para as crianças estudarem bastante para serem bem sucedidos o bastante para ter condições de morar em qualquer lugar, menos aqui.



Gill Nascimento






Quem sabe você não queira ler mais algum texto nesse estilo...


Não dá pra ser Santo Poderia ser Pior Vida Louca



2 comentários:

  1. Acho que a solução é virar eremita e se isolar nas montanhas e depois clamar pelas 10 pragas bíblicas parte 2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é mais drástica que eu, Clarinha kkkkkkkkk

      Excluir

Deixe sua opinião sobre esse texto!

Casuísmo no Instagram